quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Todeschini divulga nota sobre loja de Maringá que deixou de entregar móveis planejados

A Todeschini S/A Indústria e Comércio divulgou, na manhã desta quinta-feira (28), uma nota oficial sobre a franquia maringaense da marca que deixou de entregar móveis planejados a vários consumidores em Maringá.O texto diz que as lojas como a de Maringá têm como objeto apenas a comercialização de produtos. "As lojas comerciais não se tratam de filiais, representantes, sucursais ou qualquer outra espécie jurídica que importe em vínculo que não seja meramente comercial", diz a nota, que frisa que "Os lojistas que comercializam móveis Todeschini NÃO são franqueados".
A empresa alega que as lojas de Maringá e Londrina (a 100 km de Maringá) ¿ que são do mesmo proprietário - foram descredenciadas pela Todeschini S/A em razão de desacordo comercial e postura empresarial em dissonância com os princípios da Todeschini. "Os consumidores que firmaram relação contratual com as lojas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá deverão postular juntamente com as mesmas o eventual cumprimento do contrato ou o seu desfazimento", explica.
A Todeschini esclarece ainda a todos os consumidores e ao público em geral que não possui pedidos e/ou pagamentos de consumidores das empresas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá, ou seja, não deixou, nesse sentido, de ter atendido a qualquer compra de móveis realizada regularmente pela empresa lojista.
Além disso, a empresa gaúcha diz que sente-se lesada pela conduta das empresas e administradores das lojas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá e está adotando as medidas necessárias para ser ressarcida de seus prejuízos.
Confira a íntegra da nota:
"NOTA DE ESCLARECIMENTO
TODESCHINI S/A INDÚSTRIA E COMÉRCIO empresa regularmente estabelecida na cidade de Bento Gonçalves, RS, fabricante dos móveis da marca TODESCHINI, há mais de 70 anos no mercado, diante do encerramento das atividades das empresas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá, que revendia móveis fabricados pela TODESCHINI, esclarecer o que segue:
1) As empresas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá são sociedades empresárias regularmente constituídas, cujo objeto é a comercialização de produtos. Essas empresas possuem personalidade jurídica própria totalmente independentemente e autônoma a fábrica Todeschini S/A, possuindo gestão administrativa, financeira e comercial próprias. As lojas comerciais não se tratam de filiais, representantes, sucursais ou qualquer outra espécie jurídica que importe em vínculo que não seja meramente comercial.
2) A Todeschini S/A possui mais de 250 lojas no território nacional mantendo com todas elas simples relação comercial de compra e venda de produtos (móveis), jamais tendo firmado com qualquer uma delas relação diversa e, em especial, relação de franquia. Os lojistas que comercializam móveis Todeschini NÃO são franqueados.
3) As empresas lojistas são responsáveis pela comercialização dos produtos perante seus consumidores (das lojas), mantendo com os mesmos relação contratual, fixando a espécie de produto adquirido, forma de pagamento, prazos de entrega e montagem.
4) As empresas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá, foram descredenciadas pela Todeschini S/A em razão de desacordo comercial e postura empresarial em dissonância com os princípios da Todeschini.
5) Os fechamentos destas lojas ocorreram por liberalidade de seus proprietários, uma vez que, podem continuar a comercializar produtos de qualquer outro fabricante.
6) Os consumidores que firmaram relação contratual com as lojas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá deverão postular juntamente com as mesmas o eventual cumprimento do contrato ou o seu desfazimento.
7) A Todeschini S/A esclarece a todos os consumidores e ao público em geral que não possui pedidos e/ou pagamentos de consumidores das empresas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá, não deixando nesse sentido, de ter atendido a qualquer compra de móveis realizada regularmente pela empresa lojista.
8) A Todeschini S/A sente-se lesada pela conduta das empresas e administradores das lojas E.Aliceda & Cia. Ltda. de Londrina e Aliceda & Cia. Ltda. de Maringá e está adotando as medidas necessárias para ser ressarcida de seus prejuízos.
9) A Todeschini S/A reafirma que sempre pautou sua conduta pelo respeito as leis e as normas jurídicas vigentes, respeitando sobremaneira os consumidores de sua marca, reafirmando seu compromisso.
Atenciosamente
Todeschini S/A Indústria e Comércio"Larissa

Universidade Estadual de Maringá promove arrastão contra a dengue no campus sede


Nesta sexta-feira (1º), às 13h30, será realizado um arrastão de combate à dengue, no campus sede da Universidade Estadual de Maringá (UEM). A ação contará com agentes da Vigilância Sanitária, e colaboração dos funcionários da Prefeitura do Câmpus (PCU), exceto zeladoria e serviços de emergência.
De acordo com a PCU, o objetivo é evitar que possam surgir focos do mosquito aedes aegypti dentro do campus. A ação ainda contará com máquinas e caminhões, que farão a retirada de entulhos.O Diario

Homem morre em troca de tiros com a polícia


Um homem de 35 anos foi morto em uma troca de tiros com policiais militares no início da manhã desta quinta-feira (28), em Iguaraçu (a 30km de Maringá). O confronto ocorreu durante uma operação desencadeada pelo 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM) para o cumprimento de mandados judiciais de busca e apreensão em supostos pontos de tráfico de drogas.
Em nota enviada à imprensa, o comando do 4º BPM informou que a vítima, Daniel Pereira Ferreira, estava em um dos endereços vistoriados pela quipe comandada pelo capitão Luciano Mazeto no Jardim Bela Vista.
Segundo a polícia, Ferreira estava armado com uma pistola calibre .380 e reagiu a abordagem disparando contra à equipe. Os policiais revidaram, e na troca de tiros o homem foi atingido.
Uma equipe médica do município e outra do Siate de Maringá chegaram a ser acionadas para socorrer a vítima, mas ao chegarem na Rua Avelino Rodney Belforte encontraram Ferreira já sem vida. A Polícia Civil esteve no local, bem como o Instituto Médico-Legal (IML), que fez a remoção do corpo.
Durante a operação de cumprimento de mandados, um homem de 39 anos foi detido ao ser flagrado com nove gramas de maconha em casa.O Diario

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Homem leva choque e fica agarrado a transformador


Após sofrer uma descarga elétrica, um homem ficou agarrado a um transformador de um poste no Centro da cidade de Parnamirim, na Grande Natal, na manhã desta terça-feira (26). Segundo informações da Prefeitura, ele trabalhava na instalação do transformador. “O homem ainda não foi identificado, mas passa bem".  O homem, mesmo após sofrer a descarga, ainda conseguiu pular para o transformador, que não estava ligado e não foi afetado pela corrente elétrica. O homem ficou no local por aproximadamente 40 minutos aguardando o socorro do Corpo de Bombeiros. Oséias Miranda

CORPO CARBONIZADO É ENCONTRADO EM MARINGÁ

Camera Rec
Um corpo foi encontrado carbonizado no início da noite desta terça-feira (26) em um terreno localizado entre as avenidas Tuiuti e Horácio Racanello Filho, em Maringá. Segundo a polícia, a vítima foi identificada apenas como Geraldo e teria 58 anos. Funcionários de uma empresa de segurança, responsável pelo monitoramento da área, foram quem encontraram o corpo. Eles disseram que o homem apareceu no endereço há cerca de 30 dias, e alegando ser morador de rua, pediu para pernoitar no local. Ainda segundo as testemunhas, Geraldo teria dito que morava em Londrina, mas após se separar da esposa mudou para Maringá e trabalhava fazendo 'bicos' como pedreiro. O homem teve o rosto desfigurado a pauladas. Ele foi encontrado caído ao lado da Kombi, que também foi incendiada, possivelmente com o pedreiro no interior. A polícia suspeita que, mesmo ferido, Geraldo tenha conseguido sair do veículo. Fonte: O Diário Fotos: Rafael Silva e Maringá Alerta

Rapaz é preso após roubar e arrastar vítimas para terreno baldio em Sarandi

Um rapaz de 22 anos foi preso na noite de terça-feira (26) acusado de roubar e ameaçar quatro jovens em Sarandi, região metropolitana de Maringá. O crime aconteceu por volta das 20h25 na Rua Itália, no Jardim Europa.Segundo a Polícia Militar (PM), as vítimas têm entre 17 e 20 anos e disseram ter sido ameaçadas com uma faca pelo rapaz. Depois de entregarem os aparelhos celulares, elas ainda teriam sido arrastadas até um terreno baldio pelo ladrão.
As jovens conseguiram se desvencilhar do rapaz e acionaram a PM. O acusado foi localizado minutos depois pelos policiais militares com a ajuda da descrição feita pelas vítimas. Com o rapaz foram encontrados dois celulares, duas facas, um fone de ouvida e uma balaclava (gorro usado para cobrir o rosto). Ele foi preso e encaminhado para a delegacia.O Diario

Diretora de pré-escola denunciada convoca coletiva

Uma das sócias-proprietárias da Pré-Escola Doce Magia informou que atenderá a imprensa nesta quinta-feira às 18h30 na sede da escola, na rua Mem de Sá, Zona 2 em Maringá, para rebater as denúncias oferecidas por uma mãe de aluno e Conselho Tutelar.
Fabiane Mislaine, convocou os pais primeiramente para uma reunião às 19h desta quarta, ela reforçou que os responsáveis pelas crianças matriculadas na instituição em sua totalidade apoiam a Pré-Escola.
Do outro lado, obtivemos informações, que alguns membros do Conselho Tutelar Municipal, que ingressou com um pedido de interdição à escola, passaram a sofrer algumas ameaças, pessoas influentes da cidade e inclusive políticos teriam entrado em contato por telefone, alguns diziam "deixa quieto isso aí..."Maringá Manchete
 

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Justiça determina mais quatro prisões no Hospital Evangélico

Átila Alberti / Tribuna do Paraná  / A médica Maria Israela Cortez Boccato chega ao Nucrisa acompanhada de policiais na manhã deste sábado

A Justiça determinou a prisão temporária – por 30 dias – de três médicos e de uma enfermeira doHospital Evangélico, de Curitiba, acusados de envolvimento em mortes de pacientes ocorridos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) geral da instituição. Eles integraram a equipe da médica da médica Virgínia Soares de Souzapresa desde o último dia 19, acusada de homicídio qualificado. O Núcleo de Repressão aos Crimes Contra a Saúde (Nucrisa), da Polícia Civil do Paraná, não divulgou detalhes da investigação, que corre sob sigilo de Justiça.
Três dos quatro mandados haviam foram cumpridos neste sábado. Os médicos Maria Israela Cortez Boccato e Edison Anselmo da Silva Júnior foram levados à delegacia do Nucrisa, no centro da capital, para prestar depoimento. Por volta das 11h15, um terceiro médico se apresentou à polícia. Anderson de Freitas, que estava em Santa Catarina, chegou acompanhado do advogado e disse que “não tem nada a temer.”
A médica Maria Israela trabalhou cerca de seis anos no hospital. A irmã dela, Luciane Boccato, foi ao Nucrisa na manhã deste sábado e disse que a médica deixou de prestar serviços ao Evangélico há um ano e meio, por falta de pagamento. Luciane comentou que, de acordo com os relatos da irmã, Virginia era uma excelente profissional, mas ríspida. A irmã da médica afirmou ainda que desconhece as acusações da polícia contra a equipe de funcionários do Evangélico. O advogado da médica, Leonardo Buchmann, não quis se pronunciar sobre a prisão.
Depois de ouvida pelos policiais, Maria Israela foi levada ao Centro de Triagem I, que fica no centro de Curitiba. Silva foi transferido a uma delegacia da capital, já Freitas continuava no Nucrisa por volta das 12h40 deste sábado. Não há informações para a unidade onde ele foi levado após ser ouvido pela polícia.
Enfermeira vai se apresentar na segunda-feira
O quarto mandado de prisão só deve ser cumprido na próxima segunda-feira (25). A enfermeira que teve a prisão temporária decretada pela Justiça não está em Curitiba, mas deve se apresentar espontaneamente, segundo o advogado dela, Jefferson Heder dos Reis. “Ela [a enfermeira] está em férias, em outra cidade. Eu já comuniquei a delegada, por isso ela [a enfermeira] não está foragida. Eu vou apresentá-la assim que houver expediente, na segunda-feira”, afirmou.
Heder dos Reis disse que a enfermeira prestou depoimento ao Nucrisa na última quarta-feira (20) e que não haveria elementos que justificassem o pedido de prisão. O advogado contou que sua cliente ficou “bastante surpresa” com a ordem judicial, mas que pretende cumpri-la. O defensor considerou a prisão “arbitrária e ilegal” e adiantou que vai tentar revogá-la na próxima semana. “Ela está colaborando com as investigações, tem endereço fixo, trabalho lícito. Esta prisão é uma arbitrariedade total”, ressaltou.
Escutas telefônicas
A defesa da médica Virgínia Soares de Souza, apresentou neste sábado ao Nucrisa uma autorização do juiz Pedro Sanson Corat para que os advogados tenham acesso às gravações telefônicas que embasam a investigação da Polícia Civil. Porém, segundo o advogado Samir Assad,que compõe a defesa, as escutas não foram liberadas, por falta de expediente. A informação é que a delegacia só conseguiria repassar o material na próxima segunda-feira (25).
“A delegada está descumprindo uma ordem judicial. As gravações são importantes, porque eles [a polícia] estão pegando trechos de conversas, cujo contexto não sabemos qual é, e estão usando como pretensas provas”, disse Assad.

Apoio ao Evangélico
Diante das novas prisões, o Ministério Público do Paraná (MP-PR), a Secretaria Municipal de Saúde, a Secretaria de Estado da Saúde e o Conselho Federal de Medicina se reuniram neste sábado (23). As instituições emitiram nota ressaltando que a sociedade deve confiar na qualidade dos serviços prestados pelo Evangélico e no profissionalismo de sua equipe. "As investigações que têm sido noticiadas pelos meios de comunicação, por certo, não afetam a qualidade técnica dos serviços prestados no Hospital Evangélico", disse o MP-PR.
A Secretaria Municipal de Saúde ressaltou a especialização do corpo clínico do Evangélico, no qual "atuam centenas de médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde, alguns dos quais figuram entre os mais respeitados da comunidade médica e acadêmica de Curitiba".
Pelo Twitter, o prefeito Gustavo Fruet (PDT) também se manifestou, informando que apoia as investigações, mas ressaltando que "o fato negativo não pode contaminar o hospital".
O Conselho Regional de Medicina (CRM-PR) também se posicionou em favor do hospital. Em nota divulgada à tarde, o órgão “manifesta confiança no corpo clínico da instituição, que durante décadas luta pelo bem-estar de toda a sociedade paranaense.”
O comandante da Polícia Civil, o delegado-geral Marcus Vinícius Michelotto, comentou as investigações pelo Twitter. Ele afirmou que "confia na classe médica paranaense" e explicou que o objetivo das apurações não é fechar o Hospital Evangélico, "nem generalizar um fato que consideramos ser isolado".
Abraço simbólico
O Hospital Evangélico não se pronunciou neste sábado sobre as novas prisões. No domingo (24), funcionários da instituição devem fazer uma manifestação, promovendo um abraço simbólico ao prédio, localizado no bairro Bigorrilho. A expectativa é que, após o ato, a direção do hospital se manifeste sobre as investigações e sobre os novos mandados decretados pela Justiça.
Alunos do Centro Acadêmico de Medicina Daniel Egg, da Faculdade Evangélica do Paraná - ligada ao Evangélico - também apoiaram a instituição. Em nota, os discentes destacaram "empenho e dedicação" dos profissionais e ressaltaram história de 53 anos da entidade, atuando em observação a "valores e formação moral e ética".
Polícia investiga seis óbitos na UTI
Após conseguir acesso ao inquérito sigiloso que investiga a médica Virgínia Soares de Souza, a defesa dela afirmou nesta sexta-feira (22) que a Polícia Civil apura as circunstâncias de seis óbitose que havia um policial infiltrado como enfermeiro na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) geral do Hospital Evangélico.
Além disso, o advogado Elias Mattar Assad, que defende Virgínia, disse que a investigação está embasada apenas em relatos de familiares de supostas vítimas já que ainda não viu relatório algum feito pelo agente infiltrado no inquérito. A médica nega, segundo o advogado, a acusação de decidir sobre a morte de pacientes.
Gazeta do Povo

Motociclista morre e namorada fica ferida em acidente


Um jovem de 29 anos morreu em um acidente na madrugada deste domingo (24), no município de Fênix (a 94 quilômetros de Maringá). Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a colisão aconteceu na PR-369, no trecho entre Barbosa Ferraz e Fênix, às 3h15.
Um casal de namorados estaria voltando de um baile quando se acidentou. O condutor perdeu o controle da motocicleta, uma Honda Titan (placa de Engenheiro Beltrão), bateu em um barranco e morreu.
O corpo de Claudemir de Oliveira foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão. A namorada dele, Rosileide Martins Nunes, 26, ficou ferida e foi levada à Santa Casa de Engenheiro Beltrão. O casal morava em Godoy Moreira.O Diario

VIZINHA MATA MULHER A FACADAS


O crime de homicidio aconteceu na tarde de quinta-feira (21) na Rua A no Parque Dom Pedro II em Umuarama. Segundo informações duas vizinhas vinham a tempos brigando, uma ameaçando a outra, e na data do crime a vítima CÉLIA SANTANA, 50 anos,  e foi até a 7ª SDP, registrar uma ocorrência de ameaça contra LÚCIA DE OLIVEIRA LISBOA, 52 anos, quando Célia retornava para casa deparou-se com a acusada Lúcia que a atacou com uma faca. O Siate foi chamado e ao chegar no local constatou que Célia já estava sem vida, com  04 golpes de faca pelo corpo, onde 2 atingiram a região do pescoço e outros 2 a região do tórax. O corpo foi encaminhado ao IML de Umuarama e a acusada do crime a senhora Lúcia foi presa em flagrante acusada de homicidio e encaminhada para a Delegacia da cidade onde os policiais  constataram vários boletins de ocorrência contra a vítima, não só da acusada como de várias outras pessoas por calúnia, difamação e pertubação do sossego. Fotos: Tatu na Tv
Camera Rec

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Vereadores aprovam expediente integral na Câmara de Maringá


O projeto de lei que amplia o horário de funcionamento da Câmara Municipal de Maringá foi aprovado por unanimidade, em primeira discussão, na sessão desta terça-feira (19). Pela proposta, o expediente, hoje de meio período, passará a ser integral, das 8 às 18 horas. Pela proposta, que voltará à segunda discussão na quinta-feira (21), o horário de funcionamento do Legislativo será de segunda a sexta-feira, em dois turnos de seis horas. O primeiro turno será das 8 às 14 horas e o outro, das 14 às 18 horas.

O presidente da Câmara, Ulisses Maia (PP), diz que a alteração não implicará horas extras. “E a população terá atendimento em período integral”, explica. Já os gabinetes dos parlamentares poderão decidir como será o turno dos servidores sob sua coordenaação de forma a cumprir o expediente integral.

Adiado
Já a votação do projeto que concede reposição salarial de 5,84% aos servidores do Legislativo, de autoria da Mesa Executiva, foi adiada. A proposta aprovada em primeira discussão na sessão de quinta-feira (14) deve ser submetida a uma nova avaliação do jurídico.

Fonte: Odiário.com

Vereador preso toma posse escoltado pela polícia



 
O vereador Alcides Ramos Júnior (DEM) tomou posse na Câmara de Apucarana, na noite desta terça-feira (19-02-13). 
Ele estava preso no Centro de Detenção de Londrina, mas conseguiu na Justiça o direito de ser escoltado até a Câmara para assumir o cargo. 
O Ministério Público (MP) acusa Júnior de integrar um esquema de desvio de dinheiro, que funcionava através da emissão de notas frias, passando de R$ 38 mil o valor desviado. Além dele, outras 14 pessoas também estão envolvidas nas denúncias. O caso veio à tona em novembro de 2012 e, na ocasião, Júnior renunciou ao mandato que terminaria em dezembro do mesmo ano. Ele permaneceu foragido da Justiça até sexta-feira (15), quando se apresentou. Como Júnior havia sido eleito com a maior votação das eleições de outubro para o mandato entre 2013 e 2016, e pôde assumir a vaga novamente. Após assumir a cadeira, voltou à prisão, mas com o mandato garantido. Pelo Regimento Interno da Câmara de Apucarana, esta terça-feira era o último dia permitido para que vereadores eleitos em 2012 fossem empossados. Diante do fato, os advogados do vereador pediram a saída temporária dele para evitar o fim do prazo – o que foi determinado pela Vara de Execuções Penais de Londrina nesta terça. A Pomba

Motociclista fica gravemente ferido em acidente

Um motociclista de 31 anos ficou gravemente ferido em uma acidente com um carro no início da manhã desta quarta-feira (20) na Vila Morangueira em Maringá.Segundo o Corpo de Bombeiros, a situação foi registrada por volta das 7h15, na Avenida Morangueira, e envolveu uma Honda Falcon de placa AOD 2989 de Maringá, guiada por David da Silva, e um Peugeot de placas LUY 1161 de Maringá, conduzido por Francisco Sadao Beppu.
Com ferimentos considerados graves sem risco de morte, Silva foi encaminhado para o Hospital Universitário de Maringá pelo Corpo de Bombeiros.O Diario

Maringá Liquida


Pinga Fogo não acredita em descontos da Maringá Liquida


O apresentador Benedito Pinga Fogo de Oliveira, em seu programa de dia (19) na TV Maringá/Band, disse não acreditar em descontos de até 70% que promete a promoção Maringá Liquida.
Completou o apresentador, ao dizer que  se fosse verdade esse desconto de até 70%, significaria então que o produto estaria sendo vendido caro demais, com um lucro muito alto.
Pinga Fogo convidou repreasentantes da ACIM para participarem em seu programa na quarta-feira, e prometeu não "apertá-los" sobre o assunto.
 Blog - Maringá Manchete

JOALHERIA ASSALTADA NO CENTRO DE MARINGÁ

Camera Rec

O assalto aconteceu na tarde desta quarta-feira (20) na  Design Jóias, na Avenida São Paulo quase esquina com a Avenida Mauá no Centro de Maringá. Segundo informações um elemento armado vestindo uma calça jeans e camiseta branca com capacete nos braços deu voz de assalto e levou várias jóias do estabelecimento entre peças em ouro, prata e bijuterias, e fugiu sem deixar pistas em direção da Avenida Brasil. O total levado não foi divulgado mas acredita que foi em torno de R$ 40.000,00 (Quarenta Mil Reais). A Policia Militar foi acionada e verificou toda as filmagens das câmeras de segurança e fez patrulhamento na área central e não localizou o assaltante.

CICLISTA MORRE EM ACIDENTE ENTRE MARINGÁ E PAIÇANDU


CICLISTA MORRE EM ACIDENTE NA PR-323

O acidente aconteceu na tarde desta quarta-feira (20) na Rodovia PR-323 em frente ao Frigorífico Friboi no Jardim Nilza em Maringá. Segundo informações da Policia Rodoviária Estadual o ciclista ANTÔNIO APARECIDO DOS SANTOS, 53 anos, estava com uma bicicleta motorizada e foi atropelado por um Ford Fiesta de placas de Paiçandu, que era conduzido por Marcos Domingos da Silva e segundo ele nada pode fazer para evitar a colisão. Santos ainda foi socorrido pelo Siate mas não resistiu os ferimentos e morreu. O corpo foi encaminhado para o IML de Maringá onde espera pelos familiares para o reconhecimento e sepultamento. Fotos: Maringá Manchete


ACIDENTE ENTRE DUAS CARRETAS



O acidente aconteceu na tarde desta quarta-feira (20) no trecho entre Cianorte e Terra Boa, na ponte do Rio Ligeiro na PR-082. Segundo informou o motorista do caminhão com placas de Maringá, que por pouco não cai dentro do rio, ele seguia sentido Terra Boa à Cianorte, quando na curva antes da ponte, aconteceu a colisão, que ele não soube explicar os motivos. O outro caminhão com placas de Itaperuçu-PR, teria colidido na carroceria dele, perdendo o controle em seguida, vindo a bater contra uma árvore as margens direita da rodovia. Chovia muito na hora do sinistro, e a policia suspeita de que o caminhão de Maringá tenha, deslizado na curva dando L na pista, provocando o acidente. Segundo o motorista,  não lembrava de nada, já que estava com ferimentos no rosto e meio atordoado.  O condutor do caminhão de Itaperuçu, ficou presos entre as ferragens e foi socorrido pelos bombeiros e levado para o Hospital com ferimentos graves com risco de morrer, segundo os bombeiros. O caminhão de Maringá ficou pendurado na ponte, com a cabine quase dentro do rio. Ambos os condutores foram encaminhados ao Hospital São Paulo. Fonte: Repórter Oliveira JrCamera Rec

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Bombeiros fizeram vistoria no prédio da Câmara de Vereadores



O cabo José Carlos e o soldado Brugnoleestiveram hoje (18) de manhã na Câmara de Maringá fazendo a vistoria do prédio. Eles verificaram itens de segurança como saídas de emergência, sinalização de extintores e também das saídas, adequação dos extintores, pisos, corrimão de escadas, altura de parapeito entre outras questões.
Os bombeiros também testaram a mangueira de incêndio da garagem. Segundo o cabo José Carlos, após cinco anos da compra as mangueiras devem ser testadas todos os anos.
Eles fizeram um teste na garagem e disseram que visualmente a mangueira do local está adequada, o reservatório de água também porque a vazão na mangueira é suficiente.
Também será necessário adequar o projeto arquitetônico apresentado aos bombeiros porque houve modificações no prédio, o projeto é de 1994. De acordo com o tenente Nivaldo do Rêgo, existem adequações que deverão ser feitas imediatamente, para as outras será feito um Termo de Ajustamento de Conduta entre o Corpo de Bombeiros e a Câmara. O relatório deve ficar pronto até quarta-feira e a partir dele serão feitas as modificações necessárias.
O presidente da Casa, Ulisses Maia, afirmou que a porta-giratória que dá acesso ao plenário será retirada imediatamente para que a saída de emergência fique no tamanho adequado. Ele também afirmou que serão feitas todas as modificações necessárias para garantir a segurança de quem trabalha ou frequenta a Câmara. “Vamos esperar o relatório do Corpo de Bombeiros ficar pronto e fazer imediatamente as modificações que eles apontarem como prioritárias. As outras será preciso um pouco mais de tempo, mas acredito que no máximo em seis meses o prédio estará dentro da normas de segurança”, afirmou.
A questão da acessibilidade ao prédio será verificada por uma equipe da prefeitura porque esse trabalho é realizado por eles. O presidente garantiu que o prédio também irá ser adequado para atender as questões de acessibilidade. (inf Ass Com CMM/foto Marcos Oliveira)Maringá Manchete

Acidente entre duas motos deixa dois gravemente feridos em Maringá

Um adolescente de 14 anos e um homem de 28 ficaram gravemente feridos depois de uma colisão entre duas motocicletas no início da tarde desta segunda-feira (18) no Jardim Olímpico em Maringá.

Conforme o Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu pouco depois das 12h, na Rua Olímpico, nas proximidades do Clube Olímpico. Uma Honda CG Titan de placa ANE 5561 de Umuarama (a 172 km de Maringá), conduzida por Rafael Sant'anna dos Santos, de 18 anos, e uma Honda CG 125 Fan de placa AUQ 0544 de Maringá, guiada por Ricardo da Silva Gerardo, de 28, foram os veículos envolvidos na situação, segundo os Bombeiros.
Gerardo, com ferimentos considerados graves sem risco de morte, foi levado ao Hospital Santa Casa, enquanto o adolescente, também com ferimentos considerados graves sem risco de morte, foi encaminhado pelos Bombeiros ao Hospital Santa Rita. Já Santos recusou o atendimento.O Diario

domingo, 17 de fevereiro de 2013

COLISÃO AUTO X MOTO DEIXA MOTOCICLISTA FERIDO NO NEY BRAGA


O acidente de colisão auto x moto aconteceu no inicio da noite deste sábado (16) na Avenida Alziro Zarur, cruzamento com o  Viaduto do Contorno Norte no Conjunto Residencial Ney Braga, em Maringá. Segundo informações de testemunhas o motociclista FRANCISCO DE ASSIS, 49 anos, atravessou a preferencial e foi atingido por um veículo Monza  que segundo populares estava correndo e fugiu do local, sem prestar socorro a vítima. O Siate foi chamado socorreu o motociclista e encaminhou ao Hospital Santa Rita, com ferimentos graves, sem risco de morte. A placa do carro foi anotada por populares e repassada a PM que registrou a ocorrência.

Camera Rec

Servidor morre atropelado pelo caminhão em que trabalhava


O servidor público Moisés Aparecido de Oliveira, de 50 anos, lotado na Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Semusp), morreu na manhã deste domingo ao ser atropelado pelo próprio caminhão em que estava trabalhando na coleta de lixo.
O acidente aconteceu na Rua Eurico Batista de Oliveira, no Parque da Gávea, quando Moisés e uma equipe da Semusp realizavam a coleta de lixo rotineira. A perícia ainda não divulgou como aconteceu o acidente, mas segundo outros funcionários da equipe, ao saltar do caminhão para apanhar algumas sacolas de lixo, o servidor acabou batendo contra uma caçamba, que estava na pista, e caiu debaixo do caminhão, que estava em movimento e passou sobre seu corpo.
Uma equipe de socorristas do Siate chegou a ser acionada, mas o servidor morreu em poucos minutos.
Oliveira era motorista de caminhão de coleta de lixo e neste domingo estava fazendo o serviço de coletor para reforçar uma equipe.
Embora fosse funcionário da prefeitura de Maringá, Moisés de Oliveira era morador em Paiçandu, cidade onde o corpo está sendo velado e deverá ser sepultado nesta segunda-feira.O Diario

sábado, 16 de fevereiro de 2013

IMPRESSIONANTE Meteoro Cai na Russia Causando ENORME CLARIDADE e PANICO ...

Horário de verão termina à 0h deste domingo, 17


Terrmina à 0h deste domingo (17) o horário de verão. Com isso, no início da madrugada de sábado (16) para domingo, moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país, além de Distrito Federal e de Tocantins, terão de atrasar em uma hora os seus relógios.
Horário de verão chega ao fim (Foto: Reprodução Globo News)Horário de verão chega ao fim à 0h de domingo
(Foto: Reprodução Globo News)
Segundo o Observatório Nacional, o horário de verão, que começou em 21 de outubro de 2012,  teve 88 dias. De acordo com o decreto 7.826, os estados que o adotaram foram Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e  Distrito Federal.

Segundo informação divulgada nesta sexta-feira (15) pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), no período houve redução de cerca de 2.477 megawatts (MW), ou 4,5% do consumo na demanda no horário de pico. No horário de verão anterior, a redução de demanda no horário de pico foi de 2.555 MW, representando 4,6%.
De 2011 para 2012, a mudança de horário gerou uma economia de R$ 160 milhões, já que reduziu a necessidade de uso das térmicas. No horário de verão de 2012 para 2013, a economia teria sido de R$ 200 milhões caso as térmicas não estivessem ligadas, o que a ONS chama de "despesa evitada".
A redução de gasto, no entanto, não ocorreu, já que todas as usinas térmicas estão ligadas e a diminuição no consumo de energia no horário de verão deste ano foi de 250 MW médios.
Melhor aproveitamento
O horário de verão foi criado em 1º de outubro de 1931, com o decreto 20.466. Desde  2008, o horário de verão se inicia no terceiro domingo de outubro e vai até o terceiro domingo de fevereiro.
Segundo a determinação, quando houver coincidência entre o domingo de carnaval e o término da medida, o encerramento se dará no domingo seguinte.
O objetivo do horário de verão é aproveitar os dias mais longos do verão, com mais tempo de luz solar, para economizar energia.

Homem de 39 anos é esfaqueado no Conjunto Requião, em Maringá


Um homem de 39 anos foi encaminhado em estado grave ao Hospital Universitário (HU) de Maringá na manhã deste sábado (16) após ser esfaqueado.
Segundo o Corpo de Bombeiros, João Roberto Ruas foi encontrado por volta das 6h na Rua Maria Paulina Plama, no Conjunto Habitacional Requião.
A vítima foi socorrida por uma equipe do Siate e, segundo o relatório do 5º Grupamento de Bombeiros, encaminhada ao hospital com risco à vida.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Trabalhadores caem de andaime e dois morrem



Osvaldo Ferreira dos Santos, 42 anos, e Rosalvo Schmidt Coleraus, 47 anos, trabalhavam na obra do Sesc/Senac de Ivaiporã, mais precisamente no ginásio de esportes, onde estava montado um andaime, e caíram de aproximadamente 10 metros de altura.

O outro operário, Rosalvo Coleraus foi transportado pelo Corpo de Bombeiros de Ivaiporã para o Instituto de Saúde Bom Jesus, mas faleceu em seguida. Já Osvaldo Santos morreu na hora. As vítimas trabalhavam para a Construtora Costa Oeste, responsável pela execução do empreendimento localizado na Avenida Aparício Bittencourt, em frente ao Lago Jardim Botânico.
O acidente aconteceu por volta das 18h desta quinta-feira, (14), e deixou quatro funcionários, que estavam no local, em estado de choque. As Polícias Militar e Civil isolaram as imediações da obra para que o Instituto Médico Legal (IML) pudesse remover o corpo de Osvaldo Santos.
A Polícia Civil informou que, aparentemente, o andaime estava enferrujado e que, por isso, não oferecia segurança, além disso, os funcionários não usavam equipamentos de proteção individual, como cadeirinha ou corda, embora estivessem disponíveis no local da obra. A Polícia Civil informou ainda que ouvirá os outros quatro funcionários. (inf CDR Noticias)Maringá Manchete

Idoso de 69 anos fica gravemente ferido em incêndio na Zona 2 de Maringá

Um princípio de incêndio em um botijão de gás em uma residência na Zona 2 de Maringá deixou um idoso de 69 anos gravemente ferido na tarde desta sexta-feira (15).Conforme o Corpo de Bombeiros, a ocorrência foi registrada por volta das 15h30, na Rua Fernandes Vieira, nas proximidades do cruzamento com a Rua Martin Afonso. Jorge Simplício Pinheiro teve cerca de 40% do corpo queimado e, com ferimentos considerados graves sem risco de morte, foi encaminhado para atendimento médico no Hospital Universitário de Maringá, segundo os Bombeiros.Larissa/O DSiario

Homem é preso acusado de matar e estuprar mãe adotiva de 78 anos

Uma idosa de 78 anos morreu na tarde de quinta-feira (14), em Ourizona (a 36km de Maringá), supostamente após ser espancada e abusada sexualmente pelo filho adotivo de 37 anos. O acusado está preso na Delegacia de Mandaguaçu e, segundo a polícia, ele confessou que mantinha relações sexuais com a mãe nos últimos três anos.Maria Raimunda de Paulo deu entrada no Hospital Municipal de Ourizona no fim da tarde de ontem já sem vida. Ela foi encaminhada até o local por uma ambulância do município acionada por vizinhos. Segundo o médico plantonista que fez o atendimento, a paciente apresentava sinais de espancamento e violência sexual.
Diante das evidências de agressão, a Polícia Militar (PM) foi acionada e, ao chegar no hospital, encontrou o filho da vítima, Marcos de Souza Melo, 37 anos. Num primeiro momento, segundo a polícia, o homem afirmou que os ferimentos sofridos pela mãe eram em decorrência de uma queda. Ele disse que pediu aos vizinhos que acionassem a ambulância para socorrer a idosa.
Pressionado pelos policiais, Melo acabou confessando que nos últimos três anos manteve relações sexuais com a mãe com que morava em uma residência na Rua Bocaiuva, no centro de Ourizona. Ele disse ainda que foi adotado pela idosa quando tinha seis anos de idade.
O acusado recebeu voz de prisão e antes de ser levado para a Delegacia de Policia Civil de Mandaguaçu foi levado para exames de corpo delito no o Instituto Médico-Legal (IML) de Maringá, mesmo destino do corpo da mãe. O Diario

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Dr.Renê assumi secretaria municipal em Maringá



O Dr. Renê Pereira da Costa, assumirá na próxima semana a secretaria de Controle Interno da Prefeitura de Maringá. A posse está marcada segunda-feira

ÔNIBUS É ASSALTADO

Camera Rec
O assalto a ônibus de turismo da Empresa ROTAS  aconteceu na madrugada desta quinta-feira (14) na PR-444 em Mandaguari. Segundo informações da Policia Rodoviária, o coletivo levava 37 passageiros de Brasília para Foz do Iguaçu, e foram abordados e rendidos nas proximidades da praça de pedágio que fica na BR-376 e o motorista foi obrigado pelos bandidos a dirigir até um canavial onde os passageiros foram roubados, os bandidos fugiram levando todo o dinheiro e pertences pessoais da vítimas. Horas depois os passageiros conseguiram pedir ajuda no Posto da Policia Rodoviária Federal em Marialva, e foram levados para a delegacia de Maringá para registrarem a queixa do assalto. Fotos: Maringá Alerta








Pupin se compromete a pagar abono a servidores



Em resposta à deliberação dos agentes comunitário de saúde (ACS), que em assembleia decidiram paralisar as atividades em 1º de março caso a administração municipal não pague o PMAQ, o prefeito de Maringá Roberto Pupin afirmou em reunião que o pagamento do benefício será efetuado. Como o sindicato pediu uma resposta formal – e não apenas verbal –, a prefeitura encaminhou ofício sobre o pagamento.
O pagamento do PMAQ será feito em parcela única de R$ 1.707,58 para cada um dos 525 servidores do Programa Saúde da Família (PSF). O valor, que corresponde ao período que a administração não fez o repasse do benefício, entre dezembro de 2011 e novembro de 2012, ajudará e muito no orçamento familiar dos trabalhadores do PSF que, em sua maior parte, recebem apenas salário mínimo.
O ofício, no entanto, apresenta uma ressalva. Para que o pagamento seja feito já no salário de fevereiro, como cobra a categoria, a Secretaria de Recursos Humanos informou que o secretário Antonio Carlos Nardi (Saúde) precisa baixar uma normativa até esta sexta-feira (15). Se isso não ocorrer, o pagamento não poderá constar no próximo holerite.
Caso a normativa não saia, como alternativa, a administração propôs uma folha complementar para efetuar o pagamento do PMAQ, porém, sem especificar data para o depósito do valor. Se isso ocorrer, a categoria será convocada pelo SISMMAR para deliberar sobre a proposta. Os ACS seguem mobilizados e a paralisação não está descartada. (inf blog Sismmar)